terça-feira, 13 de outubro de 2009

Renascer das cinzas...

Ainda não me sinto bem nessa fase, mas lá chegarei.
Estou ainda a queimar, a "saborear" uma viragem que chegou sem avisar, sem estar preparada, sem meias medidas.
Serve-me de lição, para aprender que a vida se vai fazendo de pequenas conquistas e acertos do presente, mas também de desvios e nortadas do futuro. Nem sempre tudo é como pensámos, como sonhámos, como planeámos.
Sim, talvez um dia isso me faça sentido, hoje é o fundo do poço.

4 comentários:

Flica disse...

o fundo do poço é o que nos dá o impulso para voltarmos para cima, para apanhar ar! é bom que já tenhas chegado lá, minha querida, mais depressa virás à superfície. e nós cá estamos para te ajudar nessa viagem...

AnaRito_AnaRita disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
AnaRito_AnaRita disse...

Consegues sempre surpreender-me Joana.

Depois da tempestade... vem sempre, mas SEMPRE a bonança

E aqui estamos nós.

Beijo minha querida

S., R. e Xogu disse...

És, sem sombra de dúvida, uma MULHER maior e mais forte do que pensas, mas não maior, nem mais forte do que nós já sabemos ;)


*s